02 ago

TECNOLOGIA INVADE O MUNDO DO CONHECIMENTO E DO TRABALHO

Sílvia Gusmão

É polêmico o espaço ocupado pela tecnologia no mundo de hoje. Por um lado, muito videogame, muitas horas no computador, muita sede por equipamentos atualizados podem ser sinônimos de tempo ocioso ao invés de estudo e trabalho; por outro, o mundo digital tem descortinado uma série de possibilidades de conhecimento e trazem à geração que já nasceu conectada, uma visão mais diversificada e abrangente sobre o mundo. Com as opiniões e informações extremamente pulverizadas, por exemplo, as manipulações autoritárias de instituições que costumavam deter o status de formadoras de opinião se fragilizam.

 

Os mais velhos tiveram que pegar o bonde da tecnologia andando, mas já sentem seus reflexos no ambiente de trabalho. O domínio dos computadores e dos processos digitais nas corporações se reflete em maior produtividade. Junto com esse aumento, entretanto, os gadgets também trazem estresse e novas demandas para suas vidas. Nos Estados Unidos, onde é grande o número de profissionais conectados, 69% dos trabalhadores que ganham US$ 75 mil por ano ou mais, dizem que trabalham em casa, pelo menos, em algum momento, segundo pesquisa da Pew Internet & American Life Project.

 

No âmbito familiar, o equilíbrio ainda é mais difícil de ser aplicado. Os pais se mostram pouco familiarizados com o mundo digital e, por isso, sentem dificuldade em lidar com os hábitos dos filhos, liberando demais ou proibindo em excesso. Os jovens, por sua vez, muitas vezes exageram no tempo dispensado às novas tecnologias e nem sempre fazem um uso de qualidade do ambiente da internet. Especialmente no Brasil, essa vida online chama ainda mais atenção, pois os 35,5 milhões de usuários ativos gastam mais de 60 horas mensais na rede, segundo estudo realizado pelo Ibope Nielsen Online. Média bastante alta.

 

Além disso, não se pode deixar de lembrar que a virtualização das relações tende a empobrecer o estabelecimento dos vínculos com as pessoas na realidade, com tudo que isso implica de ganho e de risco. Por isso, é necessário tratar do assunto com cautela. Pais, educadores e profissionais devem estar atentos ao abuso do computador e, sobretudo, das redes sociais e sites de relacionamento, maiores responsáveis pelo acesso dos jovens brasileiros à internet. É importante reconhecer o papel que a rede de computadores desempenha na educação e no trabalho, oferecendo infinitas possibilidades de pesquisa e de desenvolvimento de habilidades. Mas é fundamental, também, saber distinguir o que é produtivo do que é exagero, sobretudo para a geração que já nasceu diante das telas.

sexta-feira , 02 de ago, 2013 Categoria : Conhecimento e inovação

DEPOIMENTOS

Escolher que profissão seguir não é tarefa fácil, especialmente sozinho. Ótimos métodos, boa temática de avaliação, boa dinâmica nos encontros, consultora muito gente boa e ajudou bastante.

 

 

Morgana Herdle

Morgana Herdle
depoimentos de estudantes

“Sou psicólogo e psicanalista, moro em Caruaru. Trabalhei doze anos numa escola particular de classe média nessa cidade. Fiz o curso da Trajeto e saí com um projeto que atendia à minha realidade e necessidade  institucional.

Fiz grandes amizades e trocas de experiências com diversos profissionais de outras escolas e realidades, o que enriqueceu o meu repertório de ação e intervenção junto à minha clientela. Super recomendo o curso. É uma equipe competente e comprometida. Obrigado a todos pela formação!”

Maurício Ramos
depoimentos de profissionais

HISTÓRICO

NEWSLETTER

Cadastre-se abaixo e receba em seu e-mail as novidades da Trajeto Consultoria.
[mc4wp-form]

Rua das Pernambucanas, 407, sala 709.
CEP: 52011 - 010, Graças, Recife - PE.
Fone/Fax: (81) 3221.1566
Website desenvolvido pela Unu Soluções